Cida recorrerá de decisão do PT sobre pesquisa de opinião pública para candidatura em JP: “Não é justo com os filiados”

Deputada Cida Ramos (Foto: divulgação/ALPB)


A deputada estadual Cida Ramos anunciou que recorrerá da decisão da Executiva Nacional do Partido dos Trabalhadores (PT).  A escolha será feita por meio de pesquisas, que serão realizadas nos próximos dias para avaliar o potencial de cada candidato. Além  de Cida, o deputado Luciano Cartaxo, que embora tenha retirado seu nome da disputa interna, também tem interesse em encabeçar a chapa do PT. No entanto, a parlamentar considera a pesquisa injusta com os integrantes do partido, que historicamente são consultados no processo.

“Não é justo com a militância, com os filiados do partido. Não é justo com os que fazem o Partido dos Trabalhadores, que não serão ouvidos, não terão opinião, poder de decisão. É muito ruim que [a decisão] venha de uma canetada.”, declarou Cida Ramos em entrevista à Rádio Correio 98FM.

Segundo a deputada, a pesquisa é apenas um instrumento e não deve ser o único fator determinante para a decisão do diretório. Mesmo insatisfeita, Cida Ramos confirmou que continuará na disputa pela candidatura à prefeitura de João Pessoa e entrará com um recurso junto ao Diretório Nacional. “A minha pré-candidatura continua colocada e eu apresentarei um recurso à direção nacional para que o diretório completo possa deliberar sobre isso.”, disse a parlamentar.

A pesquisa de opinião pública será realizada para orientar a direção nacional na escolha do candidato para as eleições municipais de 2024 em João Pessoa. A candidatura própria foi aprovada com 19 votos a favor e três abstenções. Não houve votos a favor da aliança para apoiar a reeleição de Cícero Lucena.


  WSCOM

Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem