Caixa tem alta de 49% no lucro e vai a R$ 2,9 bilhões no 1º trimestre

Carlos Antônio Vieira em cerimônia de posse da presidência da Caixa (Foto: Divulgação/Caixa)

A Caixa Econômica Federal registrou um lucro líquido recorrente de R$ 2,883 bilhões no primeiro trimestre do ano, um crescimento de 49% na comparação com igual período do ano passado. O aumento das operações de crédito, ganhos de margens e mais receitas, além de um leve aumento nas provisões para calote, contribuíram para o resultado.

A carteira de crédito do banco chegou a R$ 1,144 trilhão, alta de 10,4% na comparação com igual perído do ano passado. A carteira habitacional, a mais representativa para o banco (R$ 754,3 bilhões) cresceu 14,4%. A instituição financiou 183,2 mil imóveis no período.

Em relação à qualidade do crédito, a taxa de inadimplência (atrasos acima de 90 dias) ficou em 2,34%, um recuo de 0,39 ponto percentual em relação a igual período do ano passado.

Efeitos das enchentes não devem sacrificar carteira do Banrisul (BRSR6), diz CEO
CEO Fernando Guerreiro Lemos vê aumento do crédito durante reconstrução do estado

As provisões para créditos de liquidação duvidosa (PDD), que é uma despesa para lidar com eventual calote, totalizaram R$ 4,9 bilhões no trimestre, leve queda de 0,9%.

Já as receitas de prestação de serviços chegaram a R$ 6,6 bilhões, alta de 6,9%, puxado pelos ganhos das receitas com serviços das operações de crédito, conta corrente e produtores de seguridade.

 WSCOM.

Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem