Pollyanna inaugura ampliação do Centro de Atendimento ao Autista em Solânea

 

A secretária de Estado do Desenvolvimento Humano da Paraíba (SEDH), Pollyanna Dutra, inaugurou, nesta terça-feira, (9), a ampliação do Centro de Atendimento ao Autista (CAA) no Instituto Casa Azul, localizado no município de Solânea. A expansão do serviço irá beneficiar mais de 400 famílias em todo o Brejo paraibano, já que o atendimento é oferecido para nove cidades da região.

A iniciativa do Governo do Estado, por meio da SEDH, irá descentralizar o atendimento, que, anteriormente, era disponibilizado apenas na capital paraibana. Além de Solânea, as cidades de Bananeiras, Arara, Casserengue, Borborema, Belém, Dona Inês, Serraria e Cacimba de Dentro, também serão contempladas com o serviço. O valor do convênio com a instituição, atualmente, é de mais de R$ 770 mil reais.

Para a secretária, a ampliação do serviço às crianças autistas fornecerá um acompanhamento e monitoramento de qualidade, visto que mais sete salas recreativas e socioeducativas foram inauguradas.

“É um momento histórico para a cidade de Solânea e para toda a região. Hoje, a cidade de Solânea passa a ser uma grande referência para a nossa Paraíba. Fico feliz que a gente pode chegar aqui e ver tanto zelo, cuidado, direito sendo ofertado, além do acesso à saúde, à educação, ao entretenimento, ao lazer, à cidadania e à vida. Quero parabenizar e agradecer a Edilma, diretora da Instituição, por entender que a democracia, com esse serviço, se fortalece e que todo mundo tem acesso aos direitos. Ela levou o projeto e nós dobramos o recursos por entender que a partir do centro tantas vidas podem ser inclusas na sociedade. E, graças ao nosso governador João Azevêdo, essa é uma gestão que luta pela inclusão e pelo respeito para todos. Estou realizada, como mulher e gestora, em fazer parte desse momento tão único, entendendo que todo mundo importa nesse processo”, afirmou Pollyanna.

A diretora do Instituto Casa Azul, Edilma Azevedo, celebrou a parceria que, agora, tende a contemplar o serviço com atendimento neurológico e oficina de música. “A maioria das famílias das crianças não têm condições de arcarem com o acompanhamento clínico e pedagógico. Mas o nosso governador João, junto com Pollyanna, vai nos dar a oportunidade de atender e abraçar essas famílias. Sou mãe de autista e eu sei como é o sofrimento que a gente passa. Ver essa angústia sendo diminuída é maravilhoso”, disse.

MaisPB

Postagem Anterior Próxima Postagem