Governo da Paraíba investe mais de R$ 119 milhões de recursos próprios no Centro de Convenções de Campina e primeira etapa deve ser entregue até junho

 


O turismo de negócios e de eventos em Campina Grande e região 

ganhará novo impulso a partir deste ano com a conclusão das obras 

do Centro de Convenções, equipamento que contará com grande espaço 

para feiras, exposições e eventos, auditórios, heliponto, entre outros, no 

qual estão sendo investidos cerca de R$ 168 milhões – sendo 

R$ 119,6 milhões oriundos do tesouro estadual, e R$ 48,8 milhões 

de contrapartida do Governo Federal através de emendas parlamentares.

Ainda neste semestre, o Governo da Paraíba entregará a primeira etapa 

do empreendimento, que corresponde à área do Centro de Eventos, 

Feira e Exposição.

O Centro de Convenções de Campina Grande está sendo construído 

numa área total de 17.956,28 m². O Centro de Eventos, Feira e 

Exposição conta com uma extensa área de 12.679,45 m², e já está com

 mais de 60% dos serviços concluídos.

Outro destaque importante da estrutura é o auditório, o maior da região, 

com capacidade para 1.900 pessoas em uma área de 5.188,73 m². 

O espaço foi projetado para oferecer experiências únicas, combinando 

conforto e tecnologia avançada para eventos de grande porte. 

O Centro de Convenções também contará com heliponto, praça das 

bandeiras, e estacionamento com 624 vagas.

Já o heliponto do Centro de Convenções de Campina Grande atingiu 

89% de conclusão. A concretagem da base, essencial para a estabilidade, 

seguiu padrões normativos e investiu na durabilidade da estrutura.

O superintendente em exercício da Suplan – órgão responsável pela 

construção do equipamento, Luiz Rabelo, destaca o bom andamento

 da obra. “Estamos trabalhando para entregar essa primeira etapa até 

junho de 2024. O processo de construção da feira de eventos já

 atingiu os 60% de execução. Agora estamos trabalhando nas 

instalações da climatização e na conclusão da concretagem de piso, 

atendendo aos padrões de qualidade e segurança”, destacou o engenheiro.






PB/GOV

registrado em:


Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem