Preso suspeito de invadir casa e atirar contra casal no interior da PB

Preso suspeito de invadir casa e atirar contra casal no interior da PB (Foto: Reprodução/ Redes Sociais)


Polícia Civil da Paraíba concluiu, em cinco dias, uma investigação que resultou na prisão do homem suspeito de assassinar uma pessoa com deficiência na fala e na audição. A ação foi realizada pelo Núcleo de Homicídios da 11ª Delegacia Seccional de Polícia Civil, sediada em Queimadas, na manhã desta quarta-feira (14).

O crime ocorreu no dia 9 deste mês, no sítio Lagoa de Umburana, no município de Gado Bravo. Segundo as investigações, a vítima que morreu estaria envolvida em pequenos delitos na localidade, o que teria motivado o assassinato.

Além da vítima principal, uma mulher que estava em sua companhia também foi atingida pelos tiros e permanece internada no Hospital de Traumas de Campina Grande. Os criminosos, de acordo com a polícia, tentaram eliminar essa testemunha para evitar que ela denunciasse os autores do crime.

O suspeito foi localizado em sua residência, nas proximidades do local do homicídio, e conduzido à delegacia. Ele será submetido a audiência de custódia judicial.


T5


 

Postagem Anterior Próxima Postagem