Justiça Federal condena Antônio Ais e Fabrícia Farias, donos da Braiscompany, a quase 150 anos de prisão

 

Justiça Federal condenou Antônio Ais e Fabrícia Farias (Foto: redes sociais)

Justiça Federal, em decisão do juiz Vinícius Costa Vidor, da 4ª Vara Federal em Campina Grande, condenou Antônio Inácio da Silva Neto e Fabrícia Farias, juntos, a 149 anos de prisão. Os dois são paraibanos e donos da Braiscompany, e réus por um calote milionário contra investidores. A decisão do juiz foi tornada pública nessa terça-feira (13) e divulgada inicialmente no blog Pleno Poder, do Jornal da Paraíba.

Como visto pelo ClickPB, Antônio Ais foi condenado a 88 anos e 7 meses de prisão, em regime fechado. Fabrícia Farias foi condenada a 61 anos e 11 meses de prisão, também em regime fechado.

Na decisão, o juiz também condenou outros oito réus por crimes financeiros. O juiz também determinou uma reperação de R$ 277 milhões em danos patrimoniais e R$ 100 milhões em danos coletivos.

Antônio Ais e Fabrícia Farias estão foragidos da Polícia Federal há um ano. Eles foram alvos de diversas operações contra crimes financeiros.

Veja abaixo quais outros réus a Justiça Federal também condenou:

  • Arthur Barbosa da Silva – cinco anos e 11 meses;
  • Clélio Fernando Cabral do Ó – 19 anos;
  • Deyverson rocha Serafim – cinco anos;
  • Fernanda Farias Campos – oito anos e nove meses;
  • Flávia Farias Campos – dez anos e seis meses;
  • Gesana Rayane Silva – 14 anos e seis meses;
  • Mizael Moreira da Silva – 19 anos e seis meses;
  • Sabrina Mikaelle Lacerda Lima – 26 anos.

Veja abaixo parte das decisões da Justiça Federal contra Antônio e Fabrícia Ais:

Veja abaixo a parte da decisão que fala sobre os valores a serem pagos:


ClickPB


Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem